Bem-vindo

Hubert

Hubert

Hubert nasceu em 1971, em Saint-Renan, França. Roteirista e colorista de renome, devemos a ele as séries Le Legs de l’Alchimiste (desenhos de Tanquerelle), Les Yeux Verts (desenhos de Zanzim) e Miss Pas Touche (desenhos de Kerascoët). Seu álbum Beauté, foi selecionado no Festival de Angoulême em 2012 e recebeu o prêmio Firecracker Alternative Book de “Melhor história em quadrinhos de 2015”, nos Estados Unidos. Para a coleção “1000 Feuilles” da editora Glénat, ele publicou, com Marie Caillou, La Chair de l’araignée e La Ligne droite, bem como o díptico Ma vie posthume, desenhado por Zanzim. Hubert também supervisionou o trabalho coletivo Les Gens Normaux, da editora Casterman. No final de 2014, ele publicou o notável Petit e deu sequência a sua saga dos Ogres-Dieux com Demi-sang, Le Grand Homme e Première-Née. Em 2016, assinou, com Virginie Augustin, o lindo Monsieur Desire?. Em 2019, publicou, com Gaëlle Hersent, Le Boiseleur. Hubert recebeu o prestigioso Prêmio Jacques-Lob em 2015 pelo conjunto de sua obra. Hubert nos deixou precocemente em 12 de fevereiro de 2020, poucas semanas antes do lançamento de Pele de homem.